Início Artigos 28 Versículos sobre Amizade na Bíblia com Significados e Comentários Bíblicos

28 Versículos sobre Amizade na Bíblia com Significados e Comentários Bíblicos

19 min de leitura

A amizade é um laço que corações, fortalecendo nos momentos difíceis e nos alegrando nos dias de alegria. Somos presenteados por Deus quando encontramos uma verdadeira amizade.

Ela nos encoraja a crescer em amor e em fé, sendo um apoio constante em nossas vidas. Mas temos que tomar cuidado com amizades que não são boas e que nos incentivam a praticar coisas ruins.

Por isso é importante gerarmos amizades com pessoas que nos levam e nos aproximam para mais perto de Deus.

10 Principais Versículos sobre Amizade

17 O amigo é sempre leal, e um irmão nasce na hora da dificuldade.

20 Aquele que anda com os sábios será cada vez mais sábio, mas o companheiro dos tolos acabará mal.

15 Já não os chamo servos, porque o servo não sabe o que o seu senhor faz. Em vez disso, eu os tenho chamado amigos, porque tudo o que ouvi de meu Pai eu lhes tornei conhecido.

9 Perfume e incenso trazem alegria ao coração; do conselho sincero do homem nasce uma bela amizade.

24 Quem tem muitos amigos pode chegar à ruína, mas existe amigo mais apegado que um irmão.

9 É melhor serem dois que um, pois um ajuda o outro a alcançar o sucesso.

33 Não se deixem enganar: “as más companhias corrompem os bons costumes”.

10 Amem-se com amor fraternal e tenham prazer em honrar uns aos outros.

1 Depois que Davi terminou de falar com Saul, formou-se de imediato um forte laço de amizade entre ele e Jônatas, filho do rei, por causa do amor que Jônatas tinha por Davi.

24 Não se associe com quem vive de mau humor, nem ande em companhia de quem facilmente se ira;

8 Versículos sobre Amizade no Antigo Testamento

1 De novo voltei a minha atenção e vi toda a opressão que ocorre debaixo do sol: Vi as lágrimas dos oprimidos, mas não há quem os console; o poder estava do lado dos seus opressores, e não há quem os console.

3 E Jônatas fez um acordo de amizade com Davi, pois se tornara o melhor amigo de Davi.

17 E Jônatas fez Davi reafirmar seu juramento, por causa de sua amizade por ele, pois ele havia se tornado seu amigo leal.

42 E ele disse a Davi: “Vá em paz, pois temos jurado um ao outro, em nome do Senhor, dizendo: ´O Senhor para sempre é testemunha entre nós e entre os nossos descendentes` “.

6 Não façam um tratado de amizade com eles enquanto vocês viverem.

4 Como tenho saudade dos dias do meu vigor, quando a amizade de Deus abençoava a minha casa,

6 Seja o Senhor leal e fiel para com vocês. Também eu firmarei minha amizade com vocês, por terem feito essa boa ação.

1 Certa ocasião Davi perguntou: “Resta ainda alguém da família de Saul, a quem eu possa mostrar lealdade por causa de minha amizade com Jônatas? ”

2 Salmos sobre Amizade

4 Em troca da minha amizade eles me acusam, mas eu permaneço em oração.

5 Retribuem-me o bem com o mal, e a minha amizade com ódio.

5 Provérbios sobre Amizade

32 pois o Senhor detesta o perverso, mas o justo é seu grande amigo.

9 Aquele que cobre uma ofensa promove amor, mas quem a lança em rosto separa bons amigos.

6 Quem fere por amor mostra lealdade, mas o inimigo multiplica beijos.

17 Assim como o ferro afia o ferro, o homem afia o seu companheiro.

10 Não abandone o seu amigo nem o amigo de seu pai; quando for atingido pela adversidade não vá para a casa de seu irmão; melhor é o vizinho próximo do que o irmão distante.

3 Versículos sobre Amizade no Novo Testamento

23 Cumpriu-se assim a Escritura que diz: “Abraão creu em Deus, e isso lhe foi creditado como justiça”, e ele foi chamado amigo de Deus.

2 Levem os fardos pesados uns dos outros e, assim, cumpram a lei de Cristo.

4 Adúlteros, vocês não sabem que a amizade com o mundo é inimizade com Deus? Quem quer ser amigo do mundo faz-se inimigo de Deus.

Veja mais alguns Versículos interessantes sobre Amizade na Bíblia

versículos sobre amizade na bíblia
amigos orando juntos

Aqui estão mais algumas passagens bíblicas sobre amizade e o que elas nos oferecem com sabedoria sobre o tema:

17 O amigo é sempre leal, e um irmão nasce na hora da dificuldade.

13 Não existe amor maior do que dar a vida por seus amigos.

1 Depois que Davi terminou de falar com Saul, formou-se de imediato um forte laço de amizade entre ele e Jônatas, filho do rei, por causa do amor que Jônatas tinha por Davi.

Esses versículos da Bíblia sobre amizade destacam a lealdade, o amor e o apoio que os amigos verdadeiros podem oferecer uns aos outros.

Como Cultivar a Amizade

A Bíblia não apenas nos ensina sobre a importância da amizade, mas também nos orienta sobre como cultivá-la. Aqui estão alguns princípios que podemos extrair das Escrituras:

Seja Leal e Afetuoso

10 Amem-se com amor fraternal e tenham prazer em honrar uns aos outros.

A lealdade e o afeto são fundamentais para manter uma amizade forte. Trate seus amigos com carinho e considere seus interesses como superiores aos seus.

Seja Um Bom Ouvinte

19 Entendam isto, meus amados irmãos: estejam todos prontos para ouvir, mas não se apressem em falar nem em se irar.

Ouvir atentamente é essencial para entender as necessidades e preocupações de seus amigos. Mostre empatia e esteja disposto a oferecer um ombro amigo.

Perdoe e Resolva Conflitos

13 Sejam compreensivos uns com os outros e perdoem quem os ofender. Lembrem-se de que o Senhor os perdoou, de modo que vocês também devem perdoar.

Nenhuma amizade está isenta de conflitos, mas a disposição para perdoar e resolver diferenças é essencial para manter relacionamentos saudáveis.

Cuidado Com as Suas Companhias

1 Feliz é aquele que não segue o conselho dos perversos, não se detém no caminho dos pecadores, nem se junta à roda dos zombadores.

Tenha cuidado com quem você tem em seu ciclo de amigos. Muitas pessoas infelizmente acabam se afastando aos poucos dos propósitos do Senhor devido a falta de cuidado com quem estão andando.

Esse versículo nos mostra que é feliz quem não segue o conselho de pessoas que são ímpias e são zombadores. Lembre-se que muitas pessoas com condutas que não agradam a Deus não são explicitamente fervorosas contra os preceitos de Deus, pois o diabo pode usar pessoas em situações simples e “pequenas” para afastar o cristão de Deus.

Isso não significa que você não deva ter contato com pessoas que não seguem o preceito de Deus, mas tem que ter cautela com o quão íntimo você é com elas e o quanto de fato você influencia ela para os caminhos do Senhor.

Tenha amizades abençoadas por Deus e que irão te levar mais próximo dele.

Significado e importância de Amizade na Bíblia

Significado de amizade no Dicionário do Google

amizade. substantivo feminino

sentimento de grande afeição, simpatia, apreço entre pessoas ou entidades.
“sentia-se feliz com a amizade do seu mestre”

2. FIGURADO: quem é amigo, companheiro, camarada.
“é uma de suas amizade fiéis”

3. relacionamento social (mais usado no plural).
“faz amizades facilmente”

4. concordância de sentimentos ou posição a respeito de algum fato; acordo, pacto, aliança.
“tratado de amizade”

5. apego de alguns animais ao homem.
“cães demonstram amizade abanando o rabo”

6. INFORMAL: Ocultar a definição atitude de benevolência.
“tratou o bêbedo com amizade”

7. ANTIGO: Ocultar a definição estado de concubinato; mancebia.

8. INFORMAL BRASIL: Ocultar a definição usado como interlocutório pessoal.
“ei, vá com calma, amigo!”

Significado de Amigo no dicionário Bíblico

Do Latim amicu.
O que quer bem; favorável; partidário; aliado; afeiçoado; que tem amizade.

Análise de versículos sobre Amizade na Enciclopédia da Bíblia

AMIGO, AMIZADE (אֹהֵב, רֵעַ֮, H8276, companheiro, amigo, entre outros termos; φίλος, G5813, amigo, φιλία, G5802, amizade; também ἑταῖρος, G2279, camarada, companheiro).

Além da amizade na forma de hospitalidade (ver Hospitalidade), há muitas referências explícitas a amigos ou amizade na Bíblia. A gama de conotações desses termos é ampla.

Além de ser apenas um termo de endereço familiar e amigável (Mateus 20:13; 22:12), “amigo” pode significar um conhecido bem-disposto, companheiro confiável ou vizinho prestativo (Gênesis 38:20; Jeremias 6:21; Lucas 11:5-8; 14:10; 15:6, 9), um adepto político (1 Samuel 30:26; 2 Samuel 3:8; 15:37; 1 Reis 4:5; João 19:12), ou uma pessoa querida como a própria alma (Deuteronômio 13:6).

Existem amigos falsos, assim como verdadeiros (Provérbios 18:24); amigos que o decepcionam (Jó 6:14, 27; Lamentações 1:2; Zacarias 13:6) e amigos que se mostram fiéis (Salmos 35:14; Provérbios 17:17; João 15:13). Existem aqueles que são egoístas (Provérbios 19:4, 6f.) e aqueles que buscam o bem-estar dos outros (27:6, 10).

A amizade com Jesus dependia de um compromisso comum de vida com Ele (Mateus 12:46-50; João 15:14).

Talvez o exemplo mais notável de amizade humana na Bíblia seja o de Davi e Jônatas (1 Samuel 18:1-4; 19:1-7; 20:1-42; 2 Samuel 1:25f.).

A amizade mais elevada de que a Bíblia fala é a amizade com Deus (2 Crônicas 20:7; Isaías 41:8; Tiago 2:23), cujo oposto direto, a inimizade com Deus, é a amizade com o mundo (Tiago 4:4).

Bibliografia H. Black, Amizade (1903); S. Dodds, O Significado da Amizade e o Coração de Deus na Natureza (1919), 7-43; G. Kittel, ed., TWNT, V (1954), 16-23.

Amizade de acordo com Baker’s Evangelical Dictionary of Biblical Theology

A maioria das palavras do Antigo Testamento traduzidas como “amigo”, “amizade” ou “ser amigável” vêm de duas raízes hebraicas: rh e hb.

Os termos mais comuns para “amigo” são “reeh” (רֵעַ) e “oheb” (אֹהֵב), que significa “aquele que ama”. No Novo Testamento, aparecem várias palavras, incluindo “philos” (φίλος), “amigo”, “hetairos” (ἑταῖρος), “companheiro, camarada” e “plesion” (πλησίον), “vizinho”, juntamente com uma variedade de termos de parentesco, como “irmão”, “mãe” ou “filho”, que são estendidos para se referir a pessoas fora da família por quem se sente afeição especial.

Os termos mais usados incluem “philos” (φίλος) e “adelphos” (ἀδελφός) / “adelphe” (ἀδελφή), que se torna um termo técnico para um colega crente.

Tanto no Antigo quanto no Novo Testamento, as ideias de amigo e amizade envolvem três componentes: associação, lealdade e afeto. Há também três níveis de significado: amizade como apenas associação; amizade como associação mais lealdade; e amizade como associação mais lealdade mais afeto.

No nível mais baixo, um amigo é simplesmente um associado ou “o outro sujeito”. Em parábolas de Jesus, o dono da vinha se dirige a um trabalhador, e o anfitrião fala com um convidado de casamento que ele não conhece, usando o termo “camarada”.

Jesus se dirige a Judas dessa forma no jardim: “Amigo, faz o que vieste fazer.”

Em um nível mais alto e teologicamente mais interessante, a ideia de amizade não inclui apenas o componente de associação, mas também o da lealdade.

O “amigo do rei” serve como conselheiro real ou, no período dos Macabeus, como membro de uma classe privilegiada de nobres. A “amizade” de Hiram de Tiro com Davi é na verdade uma aliança política que pode ter pouco a ver com afeto, mas tudo a ver com obrigações contratuais.

O “amigo que é mais chegado que um irmão” demonstra lealdade. Quando os judeus acusam Pilatos de não ser “amigo de César”, eles questionam sua lealdade ao imperador.

O nível mais alto de amizade contém os componentes de associação, lealdade e afeto. A amizade de Davi e Jônatas tem os três componentes, assim como a amizade entre Paulo e a igreja de Filipos.

Segundo a Escritura, há três possíveis objetos de amizade: outra pessoa, Deus ou seu Filho, ou alguém que segue Jesus.

O primeiro envolve a amizade humana baseada simplesmente na humanidade comum, com todas as alegrias e perigos associados a ela.

A amizade humana traz ajuda em tempos de dificuldade e conselho em situações perplexas. Um amigo pode oferecer consolação na adversidade e, em risco de morte, pode ajudar.

Um amigo pode repreender com amor, provando ser mais fiel do que um lisonjeiro. O Eclesiastes desenvolve o tema da amizade no trecho “dois são melhores do que um”.

Um dos maiores exemplos bíblicos de “um amigo mais chegado que um irmão” é a relação entre Davi e Jônatas. A lealdade de Jônatas a Davi é mais profunda do que sua lealdade a seu pai Saul ou a suas próprias ambições. O lamento que Davi canta quando ouve da morte de Jônatas marca sua relação como um ponto alto da amizade humana.

No Novo Testamento, Paulo mostra talento para fazer amigos. Em suas cartas, ele menciona muitas pessoas como seus amigos especiais em Cristo.

Enquanto a amizade no nível humano tem suas alegrias e consolações, ela também tem seus perigos. Às vezes, um amigo pode falhar em dissuadir alguém de uma ação má. Um amigo pode levar alguém ao pecado ou até mesmo a adorar outros deuses. Provérbios adverte sobre os perigos da má companhia.

Mesmo que um amigo não desvie alguém, ele pode causar tristeza por mal-entendidos. Os amigos podem se mostrar falsos, fingindo afeto e lealdade por motivos ocultos.

Os amigos podem abandonar alguém em tempos difíceis. O desaparecimento da verdadeira lealdade aos amigos é um dos sintomas da decadência social e moral.

Além disso, a amizade pode se estender a outros que também são amigos de Deus. A amizade cristã encontra sua base na amizade entre cada crente e Deus.

Paulo expressa esse relacionamento leal e afetuoso ao se referir a várias pessoas com a linguagem do amor familiar. Ele fala com Timóteo e Tito como seus verdadeiros filhos, e a Onésimo como seu “filho” e seu “próprio coração”. Uma mulher não nomeada na igreja romana é considerada mãe literal de um cristão chamado Rufus e figurativamente de Paulo.

O Novo Testamento mostra uma certa mentalidade de “grupo interno” ao fazer uma distinção entre membros da família da fé e estranhos.

No entanto, os escritores nunca pressionam essa distinção, e frequentemente destacam que a amizade cristã não deve se limitar aos círculos cristãos. Jesus encoraja seus seguidores a convidar estranhos necessitados, não amigos, para suas mesas, e na parábola do Bom Samaritano, ele estende o conceito de vizinho para incluir qualquer pessoa necessitada.

Carl B. Bridges, Jr.

Bibliography. D. A. Carson, NIDNTT, 1:259-60; U. Falkenroth, NIDNTT, 1:258-59; W. Gü ther, NIDNTT, 1:254-58; G. A. Lee, ISBE, 2:361-62; C. S. Lewis, The Four Loves; N. J. Opperwall and G. A. Lee, ISBE, 2:363.

Significado de amizade de acordo com o International Standard Bible Encyclopedia

Amigo, amizade:

No Antigo Testamento, existem duas palavras, traduzidas de diversas maneiras como “amigo” ou “companheiro”: “re`eh”, indicando um mero associado, amigo passageiro, vizinho ou companheiro; “ahabh”, indicando afeição natural ou não natural.

No Novo Testamento também existem duas palavras: “hetairos”, que significa “um camarada” ou “companheiro”, e “philos”, sugerindo uma relação mais afetuosa.

A literatura está repleta de exemplos concretos de amizades dos tipos mencionados acima, bem como de exposições profundamente filosóficas, sentimentais e poéticas da ideia de amizade. Notáveis entre eles estão os exemplos do Antigo Testamento.

Abraão, devido à intimidade de suas relações, foi chamado de “amigo de Deus” (2 Crônicas 20:7; Isaías 41:8; Tiago 2:23). “O Senhor falou com Moisés face a face, como um homem… fala com seu amigo” (Êxodo 33:11). O aspecto romântico da amizade de Rute e Noemi é interessante (Rute 1:16-18).

A devoção de Hushai, que é repetidamente referido como amigo de Davi (2 Samuel 15:37; 16:16), é uma ilustração notável da afeição de um subordinado por seu superior.

A amizade mútua de Davi e Jônatas (1 Samuel 18:1), da qual o autor diz que “a alma de Jônatas se apegou à alma de Davi, e Jônatas o amou como à sua própria alma”, é outro exemplo.

Novamente, em seu lamento patético por Jônatas (2 Samuel 1:26), Davi diz em tons altamente emocionais que seu amor “era maravilhoso, ultrapassando o amor das mulheres”. Elias e Eliseu formam uma ilustração única de afeição semiprofissional (2 Reis 2).

No Novo Testamento, Jesus e Seus discípulos ilustram o crescimento da amizade desde a de mestre e discípulo, senhor e servo, até a de amigo e amigo (João 15:13-15). Paulo e Timóteo também são proeminentes (2 Timóteo 1:2).

Na literatura geral, temos o incidente clássico, registrado por Plutarco, de Damon e Pítias durante o governo de Dionísio. Pítias, condenado à morte, estava prestes a ser executado, mas desejou ver sua família.

Damon se ofereceu como garantia no caso de ele não retornar a tempo para a hora da execução. Retornando a tempo, ambos foram libertados pelo grande Dionísio, que pediu para ser incluído no segredo de tal amizade. As obras sobre amizade são muitas. Platão e Cícero imortalizaram-se por seus comentários.

Cícero valorizava profundamente a amizade de Cipião, declarando que de todas as coisas que a Natureza ou a Fortuna lhe haviam dado, nada poderia se comparar à amizade de Cipião. Bacon, Emerson, Black, Gladden, King, Hillis e muitos outros em tempos mais recentes escreveram extensivamente sobre amizade.

A melhor ilustração do duplo uso da palavra (ver acima) está em Provérbios 18:24: “O homem que tem muitos amigos pode congratular-se, mas mais amigo é aquele que tem por irmão.”

Novamente, “O ferro com ferro se aguça, assim o homem afia o rosto de seu amigo” (Provérbios 27:17). A honestidade e a franqueza de verdadeiros amigos são expressas no provérbio: “Feridas feitas por quem ama são leais” (Provérbios 27:6).

Walter G. Clippinger

Amizade no comentário bíblico “Matthew Henry’s Commentary”

Provérbios 18:24

Salomão aqui recomenda a amizade para nós e mostra: 1. O que devemos fazer para que possamos contrair e cultivar a amizade; devemos mostrar-nos amigáveis.

Se desejamos ter amigos e mantê-los, não devemos apenas não ofendê-los ou brigar com eles, mas devemos amá-los e fazer com que isso seja evidente por meio de todas as expressões que são carinhosas, sendo abertos com eles, agradando-os, visitando-os e os recebendo bem, e principalmente fazendo todos os bons serviços que pudermos e os servindo em tudo o que estiver ao nosso alcance; isso é mostrar-se amigável.

Si vis amari, ama – Se deseja conquistar a afeição, conceda-a. – Sêneca. Ut ameris, amabilis esto – O caminho para ser amado é ser amável. – Ovídio. 2.

Que vale a pena fazê-lo, pois podemos esperar muito conforto em um verdadeiro amigo. Um irmão é nascido para a adversidade, como ele disse em Provérbios 17:17.

Em nossos problemas, esperamos conforto e alívio de nossos parentes, mas às vezes há um amigo que não tem parentesco conosco, cujos laços de estima e amor provam ser mais fortes do que os da natureza e, quando chega o momento da provação, fará mais por nós do que um irmão faria.

Cristo é um amigo de todos os crentes que está mais próximo do que um irmão; portanto, mostrem-se amigáveis a Ele.

Músicas sobre Amizade

Anjos de Resgate – Amigos pela fé
https://www.youtube.com/watch?v=-_jlWkR3mUk

Amigo Fiel – Diante do Trono
https://www.youtube.com/watch?v=JrC6_kyyJ94

Amigos de Deus – Diante do Trono
https://www.youtube.com/watch?v=f1UoDXPyL2w

Amigos – Aline Barros
https://www.youtube.com/watch?v=8-DcCFw9dkU

Pregações sobre Amizade Bíblica

Leia também:

Conclusão

A amizade é um dos laços mais preciosos que podemos formar em nossas vidas. É uma conexão baseada em confiança, apoio mútuo e amor genuíno. Como vimos, a Bíblia está repleta de passagens sobre amizade verdadeira que nos ensinam sobre a importância da amizade e como cultivá-la.

Compartilhe este artigo com seus amigos e familiares, para que todos possam se inspirar na sabedoria da Bíblia sobre a amizade. Além disso, convidamos você a deixar seus comentários e compartilhar suas próprias experiências com a amizade.

O que a amizade significa para você? Como você aplica os princípios da Bíblia em seus relacionamentos? Conte nos comentários.

Não deixe de explorar nosso site em busca de mais artigos inspiradores sobre versículos bíblicos e temas relacionados. A Palavra de Deus é uma fonte inesgotável de sabedoria e orientação, e estamos aqui para ajudá-lo a descobri-la em sua plenitude. Obrigado por ler e compartilhar este artigo!

Faça um comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos comentários

Artigos Relacionados