Início Dicionário B Berseba

Berseba: Dicionário Bíblico e versículos na Bíblia

8 min de leitura

Poço do Juramento, mas segundooutros, Poço dos sete (Gênesis 21.22 a 33Gênesis 26.26 a 33). Tendo sido outrora um sítio de certa importância, é hoje, sob o nome moderno de Bir-es-Seba, apenas um lugar de ruínas, com dois imensos poços, cercados de bebedouros de pedra para uso dos animais.

Embora não estivesse na extremidade de Judá, pois estava a uns 95 km para dentro do território da Palestina, existia à beira das terras cultivadas de Simeão, e por isso era costume na conversação vulgar significar Berseba o limite meridional de todo o país: nisto se originaram as freqüentes frases: ‘De Dã até Berseba’ (2 Samuel 17.11), de ‘Geba até Berseba’ (2 Reis 23.8).

Foi perto deste poço, ou poços, que Abraão, isaque e Jacó, residiram, ali matando a sede de seus rebanhos. Situada a cidade cerca de 32 km ao sul de Hebrom, caiu, por fim, nas mãos de Simeão (Josué 15.28Josué 19.2).

Em Berseba também viviam os filhos de Samuel (1 Sm 8.2), e em tempos posteriores chegou a haver nesta povoação imagens, com as quais pretendiam representar o verdadeiro Deus (Amós 5.5Amós 8.14). Alguns dos que voltaram do exílio estabeleceram ali a sua residência no tempo de Neemias (Neemias 11.27,30).

Além dos dois poços circulares, acima mencionados, com 15 metros de profundidade, há indícios de que outros poços ali havia, mas é duvidoso que tenha sido de sete o seu número. Na história dos primeiros tempos do Cristianismo ocorre o nome de Berseba em listas eclesiásticas, como cidade episcopal sob a jurisdição do Bispo de Jerusalém (620 d.C.).

Berseba – Dicionário Bíblico de Smith

Berseba

(poço do juramento), o nome de um dos antigos lugares na Palestina que formava o limite sul do país. Existem duas contas sobre a origem do nome. De acordo com a primeira, o poço foi cavado por Abraão, e o nome dado a Judá, (Josué 15.28) e depois a Simeão, (Josué 19.21 Crônicas 4.28) Na citação frequentemente usada “de Dã até Berseba,” (Juízes 20.1) representa o limite sul de Canaã, assim como Dã o limite norte.

No tempo de Jerônimo ainda era um lugar considerável, e ainda retém seu nome antigo –Bir es-Seba. Atualmente existem no local dois poços principais e cinco menores. Os dois poços principais estão ou próximos à margem norte do Wady es-Seba.

O maior dos dois, que fica a leste, tem, segundo o Dr. Robinson – Juízes 12 1/2 pés de diâmetro e, no momento de sua visita (12 de abril), estava a 44 1/2 pés da superfície da água. A alvenaria que cerca o poço se estende para baixo por 28 1/2 pés.

Apoie Nosso Trabalho

Faça agora uma contribuição para que possamos continuar espalhando a palavra de Deus. Clique no botão abaixo:

O outro poço tem 5 pés de diâmetro e estava a 42 pés da água. As pedras de calçada ao redor da boca de ambos os poços são desgastadas em sulcos profundos pela ação das cordas de tantos séculos. Esses poços estão em uso constante hoje.

Os cinco poços menores estão em grupo no leito do wadi. Em algumas colinas baixas ao norte dos grandes poços estão espalhados os alicerces e ruínas de uma cidade de tamanho moderado.

Smith, William, Dr. “Entrada para ‘Beersheba, ou Beersheba’”. “Dicionário Bíblico de Smith”. 1901.

Berseba – Dicionário Bíblico de Easton

Berseba

Poço do juramento, ou poço dos sete, um poço cavado por Abraão, e assim chamado porque ele e Abimeleque aqui firmaram um pacto (Gênesis 21.31). Ao reabri-lo, Isaque deu-lhe o mesmo nome (Gênesis 26.31-33).

Foi um local de moradia favorito de ambos os patriarcas (Gênesis 21.33-22:1Gênesis 21.1 – Gênesis 26.33 – Gênesis 28.10). É mencionado entre as “cidades” dadas à tribo de Simeão (Josué 19.21 Crônicas 4.28). De Dã a Berseba, uma distância de cerca de 144 milhas (Juízes 20.11 Crônicas 21.22 Samuel 24.2), tornou-se a maneira usual de designar toda a Terra Prometida, e passou a ser um provérbio.

Após o retorno do Cativeiro, a expressão é reduzida para “de Berseba até o vale de Hinom” (Neemias 11.30). O reino das dez tribos estendia-se de Berseba até o monte Efraim (2 Crônicas 19.4). O nome não é encontrado no Novo Testamento.

Ainda é chamado pelos árabes de Bir es-Seba, ou seja, “poço dos sete”, onde ainda hoje existem dois poços principais e cinco menores. Está quase no meio do caminho entre a extremidade sul do Mar Morto e o Mediterrâneo.

Easton, Matthew George. “Entrada para Beersheba”. “Dicionário Bíblico de Easton”.

Berseba – Dicionário de Nomes Bíblicos de Hitchcock

Berseba

O poço de um juramento; o sétimo poço

Hitchcock, Roswell D. “Entrada para ‘Beerseba’”. “Um Dicionário Interpretativo de Nomes Próprios da Escritura”. Nova Iorque, N.Y. – 2 Crônicas 1869

Berseba – Enciclopédia Internacional da Bíblia Padrão

Berseba

Atribuída originalmente a Simeão (Josué 19.2), uma das “cidades mais distantes da tribo dos filhos de Judá” (Josué 15.28).

1. O Significado do Nome:

O significado mais provável de Berseba é “poço dos sete”. “Sete poços” é improvável por motivos etimológicos; o numeral deveria estar em primeiro lugar. Em Gênesis 21.31, Abraão e Abimeleque fizeram um juramento de testemunha de que o primeiro havia cavado o poço e sete cordeiras foram oferecidas em sacrifício, “Por isso chamou aquele lugar de Berseba; porque ali ambos fizeram um juramento.” Aqui, o nome é atribuído à raiz hebraica shabha`, “jurar”, mas essa mesma raiz está conectada com a ideia de sete, sendo oferecidos sete vítimas e fazer um juramento significando “entrar sob a influência de sete”.

Outra conta é dada (Gênesis 26.23-33), onde Isaque faz um juramento e logo depois, “no mesmo dia os servos de Isaque vieram e lhe contaram sobre o poço que tinham cavado, dizendo-lhe, Encontramos água.

E ele o chamou de Shibah: portanto o nome da cidade é Bersebaa até hoje.”

2. Um Santuário Sagrado:

Berseba era um santuário sagrado. “Abraão plantou um tamarisco em Berseba e invocou ali o nome de Yahweh, o Deus Eterno” (Gênesis 21.33). Teofanias ocorreram lá para Hagar (Gênesis 21.17), para Isaque (Gênesis 26.24), para Jacó (Gênesis 46.2) e para Elias (1 Reis 19.5).

Por Amós (Amós 5.5) é classificada com Betel e Gilgal como um dos santuários rivais ao culto puro de Yahweh, e em outro lugar (Amós 8.14) ele escreve “Eles cairão e nunca mais se levantarão”, quem jurou, “Como o caminho (isto é, culto) de Berseba vive”.

Os dois indignos filhos de Samuel foram juízes em Berseba (1 Samuel 8.2) e Zíbia, mãe do Rei Jeoás, nasceu lá (2 Reis 12.12 Crônicas 24.1).

3. Sua Posição:

Geograficamente, Berseba marcava o limite sul de Judá, embora teoricamente este se estendesse até o “rio do Egito” (Gênesis 15.18)–a moderna Wady el`Avish–60 milhas mais ao sul. Era o extremo limite da terra cultivada.

De Dã a Berseba (2 Samuel 17.11, etc.) ou de Berseba a Dã (1 Crônicas 21.22 Crônicas 30.5) eram as expressões proverbais, embora necessariamente alteradas através das condições modificadas em anos posteriores para “de Geba a Berseba” (2 Reis 23.8) ou “de Berseba à região montanhosa de Efraim” (2 Crônicas 19.4).

4. Berseba Moderna:

Hoje Bersebaa é Bir es-Seba’ no Wady es Seba’ – 2 Crônicas 28 milhas a sudoeste de Hebron na “fronteira sul de uma vasta planície ondulante interrompida pelos leitos de torrentes de Wady Khalil e Wady Seba’” (Robinson).

A planície não tem árvores, mas é coberta de vegetação na primavera; é seca e monótona na maior parte do ano. Nos últimos anos, este local há muito deserto–uma vasta extensão de ruínas sem forma, refúgio dos beduínos fora da lei–foi reocupado; os turcos estacionaram ali um Kaimerkhan iluminado (subgovernador); escritórios governamentais e lojas foram construídos; poços foram limpos, e agora há um suprimento abundante de água bombeada até mesmo para as casas separadas.

Robinson (BW, XVII – 2 Crônicas 247) descreveu como encontrou sete poços antigos lá–provavelmente ainda mais serão encontrados. A vizinhança inteira está repleta de ruínas da cidade bizantina que outrora floresceu lá; era uma sede episcopal. É provável que a cidade dos tempos do Antigo Testamento estivesse onde Tell es Seba’ está agora, cerca de 2 1/2 milhas a leste; do topo pode-se obter uma vista panorâmica (PEF, III – 2 Crônicas 394 Sheet XXIV).

E. W. G. Masterman

Apoie Nosso Trabalho

Faça agora uma contribuição para que possamos continuar espalhando a palavra de Deus. Clique no botão abaixo:

Faça um comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos comentários

Contribua e nos ajude para continuarmos produzindo bons conteúdos sobre a Bíblia.