Início Dicionário B Banda

Band – Dicionário Bíblico de Smith

5 min de leitura

Banda.

O “banda of Roman soldiers” mencionado em (Mateus 27.27) e em outros lugares era a décima parte de uma legião. Era chamada de “coorte” e tinha entre 400 a 600 homens.

Smith, William, Dr. “Entrada para ‘Band’”. “Dicionário Bíblico de Smith”. 1901.

Banda – Enciclopédia Internacional da Bíblia Padrão

Banda

A palavra em inglês tem dois significados genéricos, cada um se desdobrando em vários significados específicos:

(1) aquilo que mantém unido, liga ou circunda:

um elo;

(2) um grupo de homens. O segundo sentido pode, filológica e logicamente, ter sido derivado do primeiro, com os homens sendo mantidos juntos por laços sociais. Ambos os significados aparecem no Antigo Testamento e Novo Testamento representando várias palavras hebraicas e gregas.

(1) Uma banda

(a) (‘ecur):

uma corda de linho (Juízes 15.14); uma banda de ferro e bronze (Daniel 4.15,23); metaforicamente usada das mãos de uma mulher falsa (Eclesiastes 7.26).

(b) (chebhel):

“As bandas dos ímpios me despojaram” (versão King James de Salmos 119.61), onde “bandas” = “tropas” por erro; a versão revista (britânica e americana) “Os cordões dos ímpios me envolveram”; plural chobhlim = “bandas” = o nome da vara simbólica do profeta representando a irmandade entre Judá e Israel (Zacarias 11.7,14).

(c) (`abhoth):

“Eu os atraí com cordas humanas, com laços de amor” (Oseias 11:4; compare Ezequiel 3.2Ezequiel 4.8; João 39.10).

(d) (saphah):

a borda da abertura redonda na veste do éfode com uma banda (a versão revista (britânica e americana) “amarração”) ao redor do buraco (apenas em Êxodo 39.23).

(e) (chartsubboth):

bandas (a versão revista (britânica e americana) “grilhões”) da maldade (Isaías 58.6); bandas (= dores) na morte (Salmos 73.4); a versão revista, margem (“dores”, Cheyne, “tormentos”).

(f) (moTah):

a barra transversal do jugo de bois, mantendo-os juntos (Levítico 26.13; Ezequiel 34.27 versão King James; a versão revista (britânica e americana) “barras”).

(g) (mocer):

um grilhão: “Quem soltou as amarras do jumento selvagem?” (João 39.5; Salmos 2Salmos 107.14; Isaías 28.2Isaías 52.2; Jeremias 2.20; todas na versão King James e na versão revista (britânica e americana)). A mesma palavra hebraica (em Salmos 116.16; Jeremias 5Jeremias 27.2Jeremias 30.8; Naum 1.13) é traduzida como “grilhões” na versão King James, e na versão revista em inglês de Salmos 116.16, e Naum 1.13, mas “bandas” na versão revista em inglês de Jeremias 5Jeremias 27.2Jeremias 30.8; a versão padrão americana tem “grilhões” em todo lugar.

(h) (moshekhoth):

“Podes … soltar as amarras de Órion?” (apenas em João 38.31).

(i) (desmos, sundesmos):

um grilhão: aquilo que liga junto: das correntes de um lunático ou prisioneiro (Lucas 8.29; Atos 16.2Atos 22.30 versão King James), metaforicamente da união mística de Cristo e a igreja (Colossenses 2.19).

Essas palavras são frequentemente traduzidas por “elo” na versão King James e na versão revista (britânica e americana).

(j) (zeukteria):

as amarras do leme (apenas em Atos 27.40).

(2) Um grupo de homens

(a) (gedhudh):

uma banda de soldados (2 Samuel 4.2; 1 Reis 11.24, versão King James; 2 Reis 6.22 Reis 13.20,212 Reis 24.2; 1 Crônicas 71 Crônicas 12.18,21; 2 Crônicas 22.1). Assim a versão revista (britânica e americana) (exceto em 1 Reis 11.24, “tropa”).

(b) (ro’sh):

“cabeça” = “divisão”: “Os caldeus formaram três bandas” (João 1.17); 1 Crônicas 12.23 a versão revista (britânica e americana) traduz “chefes”.

(c) (chayil):

“uma banda de homens” a versão revista (britânica e americana) o “exército” (apenas em 1 Samuel 10.26).

(d) (‘aghappim):

“as alas de um exército,” apenas em Ezequiel, exércitos do Rei de Judá (12:1 – 1 Samuel 17.21); de Gomer e de Togarmá (38:6); de Gogue (a versão revista (britânica e americana) “hordas”) (38:9,2 – 1 Samuel 39.4).

(e) (machaneh):

“acampamento”: apenas em Gênesis 32.7,10; a versão revista (britânica e americana) “companhias”.

(f) (chotsets):

de gafanhotos dividindo-se em companhias ou enxames (Provérbios 30.27).

(g) (speira):

usualmente uma “coorte” (veja a versão revisada, margem) de soldados romanos; a décima parte de uma legião, cerca de 600 homens: (Mateus 27.27; Marcos 15.16; Atos 10Atos 21.31Atos 27.1). Um destacamento menor de soldados (João 18.3,12; compare 2 Macc 8:23; Judith 1:4:11).

(h) (poiein sustrophen):

“fazer uma conspiração”: “Os judeus uniram-se” (Atos 23.12).

T. Rees

Orr, James, M.A., D.D. Editor Geral. “Entrada para ‘BANDA’”. “Enciclopédia Bíblica Internacional Padrão”. 1915.

Banda de Augusto na Bíblia. Significado e Versículos sobre Banda de Augusto

Banda de Augusto

(Atos 27.1: literalmente, de Sebaste, a forma grega de Augusta, o nome dado a Cesareia em honra a Augusto César). Provavelmente esta “banda” ou coorte era composta por soldados samaritanos pertencentes a Cesareia.

Easton, Matthew George. “Entrada para Banda de Augusto”. “Dicionário da Bíblia de Easton”.

Bandas – Dicionário Bíblico de Easton

Bandas

(1) De amor (Oséias 11.4); (2) De Cristo (Salmos 2.3); (3) Unindo o corpo de Cristo, a igreja (Colossenses 2.1 – Colossenses 3.14Efésios 4.3); (4) O emblema do cativeiro de Israel (Ezequiel 34.27Isaías 28.2 – Isaías 52.2); (5) De fraternidade (Ezequiel 37.15-28); (6) Sem bandas para os ímpios na morte deles (Salmos 73.4João 21.7Salmos 10.6).

Também denota correntes (Lucas 8.29); companhias de soldados (Atos 21.31); uma vara de pastor, indicando a união entre Judá e Israel (Zacarias 11.7).

Easton, Matthew George. “Entrada para Bandas”. “Dicionário Bíblico de Easton”.

Faça um comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos comentários

Artigos Relacionados